#competição #surf 
São Paulo - Brasil

Futuro da FPS começa a ser definido no hoje em assembleia extraordinária

Charles Roberto

A noite uma assembleia virtual será realizada para dar início ao novo futuro da Federação Paulista de Surf

Por meio virtual, a assembleia geral extraordinária que marca o início do novo futuro da Federação Paulista de Surf (FPS) será realizada na próxima segunda-feira, dia 15, às 20h. O encontro ocorrerá através do aplicativo Zoom e o link de acesso será encaminhado às associações.


Neste dia será formada a junta provisória que irá gerir, conjuntamente, com o atual administrador provisório, o dr. Murilo Ferreira Lima, à FPS, até que se convoque uma nova assembleia geral para definir a equipe permanente.


"Depois de tantas dificuldades, estamos confiantes que vamos atingir o nosso objetivo que é colocar o surfe paulista nos trilhos", informa o dr. Murilo.


As associações que poderão votar neste dia devem estar devidamente inscritas no quadro social da Federação, nos termos do art. 7º de seu Estatuto Social, desde sua fundação até a data de 31 de dezembro de 2012, com toda a documentação em dia.


Nesta primeira assembleia, além da escolha da junta provisória que irá gerir à FPS, também estará em pauta a situação em que se encontra a entidade, e a deliberação sobre a eventual contratação de uma auditoria externa.


Entenda o caso


O juiz da 5ª Vara Cível de Santos, Dr. José Wilson Gonçalves, determinou a intervenção judicial dia 14 de Janeiro (processo digital 1108072-60.2020.8.26.0100), na Federação Paulista de Surf (FPS) e indicou um administrador provisório. A ação foi provocada pela Associação Santos de Surf (ASS) no dia 4 de dezembro de 2020. A Federação Paulista de Surf desde 2012 está inapta para operar. Por essa e outras razões a decisão do juiz de indicar o administrador provisório.

 

Comentários

Galerias | Mais Galerias