#competição #comunidade #surf 
Brasil

Os maiores nomes do surfe contemporâneo

Marcelo Henrique

Surfistas em ascensão e patrocinados por grandes marcas de boardshorts, conheça alguns dos maiores nomes do surfe contemporâneo!

O sonho de vestir seu boardshort, subir na prancha e encarar o mar em busca da onda perfeita se tornou uma realidade para essa geração desurfistas que nasceram a partir da década de 80, quase anos 90. Quanto mais jovens começaram no esporte, mais cedo também passaram a colecionar títulos pelo mundo. Das referências de camiseta de surf aos grandes campeonatos.

Surfistas em ascensão | Conheça 4 dos maiores nomes do surfe contemporâneo

Gabriel Medina

Essa nova geração de surfistas começou cedo no esporte, como Gabriel Medina, que aos 11 anos já estava conquistando seu primeiro campeonato. Nascido em São Sebastião, o brasileiro é uma das grandes apostas do surf na atualidade.

Ele começou a surfar aos 9 anos, sendo que dois anos mais tarde estava subindo ao pódio do seu primeiro campeonato nacional na categoria sub-12 da etapa Rip Curl Grom Search, patrocinado pela marca reconhecida pela linha de camiseta de surf e roupas de borracha.

Medina teve tanto potencial que, aos 14 anos, conseguiu bater seu ídolo, o surfista Adriano Mineirinho. Em seguida, o jovem já passava a ser patrocinado pela Rip Curl, onde participa de campanhas até hoje, usando bermuda boardshort e outras peças da marca.

Maya Gabeira

Maya é outra aposta brasileira e um grande nome do surf contemporâneo. Ela começou no esporte aos 14 anos e logo já estava surfando as grandes ondas do Havaí. A big rider foi eleita, por quatro anos consecutivos, como a Melhor Performance Feminina no Billabong XXL Global Big Wave Awards.

Reconhecida por suas opções de camisa estampada, a Billabong é a marca que assina esse prêmio. Fora essa conquista, Maya é a primeira mulher a surfar no Alasca e a entrar para o Guinness Book como a primeira mulher a surfar uma onda ilimitada.

Filipe Toledo

Dos brasileiros que mencionamos nesse post, Filipe é o mais jovem a enfrentar grandes ondas. Com apenas 16 anos, o surfista venceu uma etapa no Peru e conseguiu sair na frente de nomes como John John Florence e Conner Coffin.

Desde que começou a surfar, Toledo tem acumulado pontos nas competições que o levaram à notoriedade, tendo ocupado, inclusive, um ranking junto com outro brasileiro no Oi Rio Pro.

Stephanie Gilmore

Stephanie é outra mulher que merece destaque no surf contemporâneo. A australiana já foi campeã mundial sete vezes, surfando, principalmente, as ondas da Austrália e da França.

Em sua última temporada a australiana venceu as etapas de Bells Beach, Saquarema e Jeffreys Bay, contando com o apoio e desejando orgulhar sua maior patrocinadora, a marca Roxy, que conta, inclusive, com camisa estampada em sua grade de produtos femininos.

Essas são nossas quatro referências do surf atual. Quais outros nomes você conhece? Conta pra gente!

Comentários

Galerias | Mais Galerias